quarta-feira, 20 de abril de 2011

[1] plus ∞


O silêncio pertencia-lhes e nada mais eram do que olhar e puro sentimento. Os gestos falavam acima das palavras e o coração enchia-se-lhes pela lembrança de quão raro era encontrar o que partilhavam. Abraçaram com força e permaneceram num Mundo parado à volta. Para quê largar (?), quando a caminhada se tornava, a cada dia, mais um passo repleto de Tudo.


I don't believe that anybody feels the way I do about you now
And after all You're my wonderwall '

1 comentário: