segunda-feira, 29 de novembro de 2010

quando eu era pequenino."


Habituaram-te mal: deram-te tudo o que sempre quiseste e a razão ficou a teu lado a cada birra. Tu, és a criança do século XXI, mimada e insuportável. Perdeste a tua infância colada ao Magalhães e à playstation3. Puseste de lado as chuteiras e moldaste o teu rabo no sofá. Tu, és tudo aquilo que não deverias ser, sedentária e com obesidade mórbida. Falam-se em espécies em vias de extinção, pois eu, perante ti, falo de parques infantis, campos relvados, bicicletas e bolas de futebol, todos eles a perderem construção e fabrico. Encosto-te um dedo e é violência infantil, mas se me atiras com uma cadeira, é comportamento normal "para a idade". De ti, tenho pena, pois o ser criança ficou-te esquecido, ou foi-te "mal ensinado". Um apelo te faço: deixa os joelhos esfolarem, só desta vez.

1 comentário:

  1. Uau! Tão triste... Mas tão inexoravelmente verdadeiro!

    ResponderEliminar